#Espertalhões

#Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

#Novas Aprendizagens

# Carta ao Senhor Ministro ...

# Primavera

# Se eu fosse um grilo

# Um dia triste

# A Ideia do Timóteo

# A Ideia do Timóteo - II

# A Ideia do Timóteo - I

# Se eu fosse um espantalho

# Espanta-Pardais e Maria P...

# Espanta-Pardais

#Já Aprendemos

# Junho 2008

# Maio 2008

# Abril 2008

# Março 2008

# Fevereiro 2008

# Janeiro 2008

#Visitantes

#Estamos a Ouvir


Aquarela - Toquinho

#tags

# todas as tags

blogs SAPO

#Estamos a Ver

Segunda-feira, 16 de Junho de 2008

Se eu fosse um grilo

Se eu fosse um grilo, eu tinha duas antenas verdes, os olhos azuis, um vestido rosa com flores brancas, os sapatos brancos, etc..
Eu era simpática, alegre, bonita, por aí em diante… Eu vivia numa casa dentro de uma árvore. O meu quarto era cor-de-laranja, a cama preta e branca, o armário branco e cor-de-laranja e uma televisão com o ecrã normal e no exterior cor-de-laranja. A minha cozinha era amarela, a casa-de-banho azul, a sala verde, etc..
As minhas amigas eram a Fofi, a Carla, a Joana, a Teresa, a Catarina, a Bia, a Sara, a Guta, a Lara, etc..
Eu comia folhas e bebia água, etc..
Um dia eu estava à porta da minha casa, na árvore, e de repente vi uma coisa estranha a passar. Fui para casa deitar-me na cama. Quando acordei fui tomar o pequeno-almoço e a seguir fui a casa da Fofi e no caminho vi, outra vez, aquela coisa estranha a passar por mim.
(Rafaela)
Bons Sentimentos: Verde como um grilo
Publicado por Espertalhões às 17:50

| Deixe Comentário
|